ACESSE O HOTSITE DO ÁLBUM OUTRA VEZ HOTSITE

Notícias

Nenhum comentário

Noite memorável no Congresso Mulheres e Moças Diante do Trono 2019

Foto: Comunicação Lagoinha

Foto: Comunicação Lagoinha

O segundo dia do Congresso Mulheres e Moças Diante do Trono 2019 foi sobrenatural. A abertura da noite dessa sexta-feira (16) foi com um recital da renomada pianista Patrícia Valadão que executou a versão instrumental de grandes clássicos da música cristã.

Foto: Comunicação Lagoinha

Foto: Comunicação Lagoinha

Márcia Resende e Kenia Mizrahy, conhecida como também “Dra. Kika” e especialista em fazer as pessoas rirem, comandaram um quebra gelo que divertiu as congressistas. Elas também presentearam uma congressista que veio da Argentina para participar do congresso. Ana Paula Valadão Bessa se alegrou pelo primeiro Congresso de Moças Diante do Trono e convidou as responsáveis por esse sonho para juntas consagrarem a Deus esse novo tempo do Congresso.

O louvor foi conduzido pela cantora Nívea Soares e foi um momento de tremenda unção. No repertório estava canções como “Reina o Senhor”, “Não Seremos Abalados”, “Santo Espírito”, “Jesus” e muito mais. Nívea ainda levantou um forte clamor de cura para os enfermos.

Foto: Comunicação Lagoinha

Foto: Comunicação Lagoinha

Mantendo o congresso no mesmo espírito de poder e unção, a Dra. Karine Rizzardi ministrou sobre as diferenças da identidade curada e da identidade ferida. Ela faz uma analogia com o mapa e a técnica, onde para seguir um mapa a pessoa precisa se adaptar dentro de sua realidade e fazer aquilo acontecer, e quando ela segue a técnica de outra pessoa, ela simplesmente se prende a um padrão que não necessariamente é o dela.

“Um coração tratado, uma identidade curada é receptiva, já um coração fechado e ferido deixa a pessoa congelada”, comenta a psicóloga. Ela afirma que somente Deus pode nos aquecer e nos tirar do congelamento.

Sentindo no coração e direcionada pelo Espírito, Ana Paula convidou a Nívea Soares para cantarem a canção “Intimidade” e em seguida recebeu Fabíola Melo, Daniela Bessa, Kenia Mizrahy, Priscila Guedes e Marcela Taís para um chá e juntas conversaram sobre o que elas gostariam que tivessem lhes contado. “Príncipe encantado não existe”, “ser mãe não é seguir uma receita de bolo” e “precisamos esperar e entender que grandes mudanças vêm”, foram alguns temas abordados no bate-papo.

Marcela Taís ministrou durante o momento da oferta a canção de superação “Sobrevivi”. Em seguida, Raquel Kerr Borin compartilhou parte do seu testemunho, dizendo como o Espírito Santo a curou da tristeza do término de um relacionamento e a separou para falar para as pessoas guardarem o coração, porque dEle procede as fontes da vida (Provérbios 4.23).

Foto: Comunicação Lagoinha

Foto: Comunicação Lagoinha

Raquel também falou sobre o tempo de Deus. Segundo ela, precisamos discernir o tempo que estamos vivendo e esperar, pois enquanto as coisas não acontecem, Deus está nos preparando e cuidando da próxima etapa.

Juntas, Ana Paula Valadão Bessa, Ezenete Rodrigues, Raquel Kerr Borin, Sylvia Magua, Jamie Cheshire e Shaila Kerr Gomes oraram e profetizaram para encerrar e selar tudo o que foi ministrado nessa noite tão memorável.

Grandes coisas Deus falou até aqui e Ele continuará falando. Por isso, acompanhe a transmissão ao vivo pela Rede Super ou on-line pelo canal do Diante do Trono no Youtube.

:: Welbert Emery